Há inúmeros fatores que temos de ter em conta: a zona climática onde se situa o imóvel, as especificações oficiais sobre o consumo energético, as necessidades de isolamento…. Para evitar problemas e cumprir com todos os requisitos necessários para garantir a correta instalação da cobertura, siga estes conselhos.

Aplique as normas em vigor. Recomendamos uma consulta à informação disponibilizada pela Adene – Agência para a Energia, entidade que tem como missão as questões relacionadas com a eficiência energética. A Cobertura deve cumprir sempre as exigências legais em relação ao isolamento, consumo energético, risco de condensações, etc. Assegure-se que os profissionais encarregados dos trabalhos de instalação conhecem estas normas e as seguem corretamente.

Tenha especial atenção ao isolamento. Pela cobertura pode perder cerca de 30% da energia da casa (aquecimento ou ar condicionado), por isso, o isolamento térmico será fundamental para garantir o uso eficiente do aquecimento, além de evitar infiltrações, goteiras, condensações, etc. No mercado existem vários materiais isolantes que contribuem para melhorar consideravelmente o isolamento: EPS; XPS; lã mineral, lã de rocha…

E lembre-se: a cobertura deve possuir uma envolvente contínua, estanque ao vento e à água. 

Siga as instruções do fabricante e instale os elementos pela ordem indicada. Parece algo óbvio, mas um grande número de problemas com as coberturas surge de uma má execução dos trabalhos ou de uma incorreta manutenção, ao não terem em conta as especificações do fabricante.

Reduza o consumo energético, instale um sistema de cobertura ventilada e melhorará o conforto no interior da sua casa, poupando energia. No mercado existem múltiplas soluções eficientes, como o sistema Tectum®-Pro do BMI Group, que contribui para a redução do consumo energético e para o cumprimento dos mais altos padrões de eficiência energética, como o Passivhaus, norma voluntária para a eficiência energética dos edifícios.

Não descuide os pontos mais singulares da cobertura e aplica sempre os produtos adequados para a sua completa impermeabilização. Alguns fabricantes, conscientes da importância deste ponto, dispõem nos seus catálogos de peças universais que facilitam os remates de esquinas, curvas, etc.

E assegure-se de que os produtos e sistemas são os mais adequados para o seu projeto. Nem tudo serve para tudo. Dependendo se a cobertura é plana ou inclinada, se a casa se situa numa zona climática fria ou quente; se o telhado vai estar muito exposto ao sol, entre outros fatores, será recomendado o uso de um sistema ou de outro.

E lembre-se que, em caso de dúvida, alguns fabricantes como o BMI Group, contam com pessoal especializado que o pode aconselhar. Assim tudo estará sob controlo.

Partilhar

Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter

Leave a Reply